9 de Outubro de 2018

Oiii! Espero que esteja tudo bem com vocês! =)

Comecei um outro post há algumas semanas mas não consegui terminar, minha intenção era falar da minha experiência dos nove meses de gestação, de que as mães estavam chegando, das expectativas que tínhamos pros dias que seguiriam, enfim, de um monte de coisas que já nem mais consigo pensar a respeito. Há exatamente uma semana, dia 9 de outubro, às 5h30min comecei a sentir contrações e às 16h13min nossa Isabel veio ao mundo!
Agora aproveito o tempo entre uma mamada e outra, enquanto ela toma um banho de luz pela janela da sala, pra tentar não deixar passar batido tamanho acontecimento e atualizá-los da vida que seguiu!
Sinceramente não saberia dizer qual foi minha parte mais ou menos preferida dos 9 meses de gestação, cada fase teve seus encantos e amarguras, mais encantos que amarguras, definitivamente. No primeiro trimestre alguns enjoos, mas nada que me fizesse parar de comer ou passasse mal, no segundo trimestre eu nem saberia ressaltar um ponto negativo, talvez ter descoberto a diabetes gestacional o que ainda assim não mudou muito na minha rotina alimentar já que não comia muitos carboidratos, a parte chata era ter que furar o dedo e ficar medindo a glicemia…ah, teve o calor também, que foi muito maior do que eu poderia imaginar, mas isso nada que tinha a ver com a gestação…rs Fiquei basicamente trancada em casa o máximo que podia durante os meses de verão já que era quase impossível sair na rua e voltar sem queimaduras de décimo grau…rs No terceiro trimestre estávamos tão empolgados com a vinda das nossas mães e nos certificando que receberíamos elas e a bebê bem, que o tempo passou que nem notamos! Dormi bem nesse período também, apesar de acordar a cada uma hora pra ir ao banheiro. Tentei ficar o mais tranquila possível até que as mães chegassem pra que a bebê não resolvesse sair antes do previsto, e assim foi! No final de semana antes da chegada das mães recebemos os primos Lu e Ká em casa, passeamos o quanto podíamos com eles e na segunda-feira seguinte nossas mamães chegaram aqui. Por um dia tivemos a casa cheia e pensem numa festa! Dias fantásticos! Durante a semana, passeamos bastante com as mães e pude sair do estado semi-vegetativo já que não mais precisava segurar a vinda da bebezinha ao mundo…rs Isabel nos deu uma semana pra podermos mostrar um pouco de Valencia pras vovozinhas e mostrou desde já que seria uma menina muito boazinha e passeadeira! hahaha

Sobre o dia que mudou nossas vidas para sempre, às 5h30min da terça-feira começaram as contrações e por mais que eu não tivesse certeza de que aquilo eram contrações, a natureza logo me confirmou que eram…rs Usei um aplicativo do BabyCenter pra registrar os tempos de duração e de distância entre uma e outra, tomamos banho, café da manhã, ajeitamos as coisas e saímos todos de casa por volta das 11h30min da manhã. Nessa hora as contrações já estavam bem mais fortes e os cursos que fiz na maternidade ajudaram bastante, principalmente por conta das respirações. Nos picos de dores meu cérebro parecia atrofiar, não lembro de ter passado por algo parecido antes, e apesar de saber que vinham como ondas não tenho certeza se me mantive racional na maior parte do tempo…rs Chegamos no hospital por volta do meio dia, fui internada em seguida, fizeram monitoramento cardíaco da bebê e já começaram a me preparar pro parto. As mães ficaram na sala de espera da maternidade e o Di na maior parte do tempo esteve comigo. Já na sala de parto, as dores eram surreais e pedi pela anestesia epidural o que sem dúvida aliviou minha vida em 90%, tipo milagre…rs Romperam minha bolsa assim que a epidural foi dada e em 1h eu já estava totalmente dilatada e pronta pra empurrar. Essa parte foi a mais rápida, quando vinham as contrações eu empurrava e loguinho já deu pra ver a cabeça cabeluda da bebezinha! De acordo com o Di foi um pouco assustador, pena que não deu pra tirar foto…rs Depois disso, praticamente num espirro, eu tinha um bebê chorando na minha barriga e olhando pra mim com cara de “onde estou???”. Não acredito que nenhuma outra emoção superará essa na minha vida, não existem palavras que descrevam, é como se vc estivesse num sonho e ele se materializasse magicamente ou talvez como se você fosse a protagonista de um filme incrível… Não entendia, não entendo e não entenderei a magia desde o começo até aqui, como se filmes da minha vida passassem loucamente em espiral pela minha cabeça. Com ela ali no meu peito, tão quentinha, me encarando com os olhinhos pretinhos e sérios, nada e tudo fez sentido. No calor do momento achei que ela se parecia comigo por conta da testa enrugada mas me enganei, ela nasceu a cópia do pai e a cada dia as semelhanças só aumentam. Hoje, ao completar-se 7 dias desde o nascimento da pequeninha, fico revivendo as cenas tentando guardar pra eternidade cada detalhe, ainda que nesse dia não nasceu somente a Isabel, mas nasceu também a mãe e pai da Isabel e juntos estamos redescobrindo o mundo.
Das cicatrizes de guerra que ganhei, somente umas varizes nas coxas e estrias na barriga, ainda estou me recuperando dos pontos da episiotomia, os bicos do peito estão calejando e o processo tem sido bem dolorido. As noites obviamente estão em fase de adaptação, ainda não sabemos como é o sono da pequenininha e as razões pela qual ela chora, eu sempre penso que são gases…rs Hoje fomos pela primeira vez no pediatra e ela disse que está tudo bem, tá ganhando peso bem e só precisa tomar um pouco de luz do sol diariamente pra sair o pouco do amarelo da pele.
Isabel nasceu com 49cm, 2,700kg às 16h13 do dia 9 de outubro de 2018 (dia da Comunidade Valenciana). As avós estão sendo fundamentais nesse momento, tanto psicologicamente quanto fisicamente, eu sinceramente não sei nem imaginar como estaríamos nos virando sem elas, a sorte na vida continua! =)
Bom, vou colocar umas fotinhas abaixo e parar por aqui porque sinto que me resta pouco tempo agora…rs
Bjo, tchau!

IMG_20180923_082258

IMG_20181006_101754
Última foto semanal da barriga

IMG_20180929_222421
Ká e Lú IMG_20181001_165259__01
No aeroporto

IMG_20181001_213510Em ritmo de festa

IMG_20181006_131959
Alboraya

IMG_20181007_182237
Último passeio dentro da barriga

WhatsApp Image 2018-10-09 at 17.13.32
Epidural = vida

WhatsApp Image 2018-10-09 at 17.21.15Ao menos a testa é parecida com a da mamãe hahaha

paiPapai e sua miniatura menina e barbeada

dia seguinte
Primeira noite sem dormir, só alegria hahaha

vó por mãeVovózinha

IMG_20181010_135010
Vovózinha

IMG_20181012_200553__01
Bebê com código de barras

rindo
Simpatia

IMG_20181011_134815
Primeiras visitas

banho
Só o papai quem dá banho

IMG_20181015_233033
A vida nova e apertada

 

 

Advertisements

About Neoma

Sou uma pessoa de bem com a vida, alegre, entusiasmada, atenciosa, otimista, instável...etc! Sou filha, irmã, mulher, amiga! "...faço o melhor que sou capaz, só pra viver em paz..."

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: